sexta-feira, 16 de maio de 2008

Fãs acompanham gravações da novela Duas Caras no Recife

Gravação de Duas Caras pára aeroporto do Recife

O Aeroporto Internacional do Recife parou na tarde desta quinta-feira (15) para assistir à gravação dos últimos capítulos da novela Duas caras, da TV Globo. Os atores Dalton Vigh, que interpreta o vilão Marconi Ferraço, e seu filho Renato, o jovem Gabriel Sequeira, desfilaram pelo saguão e usaram o 2º andar do aeroporto como locação, enquanto uma multidão de curiosos se aglomerava nas sacadas para ver o desfecho da trama, que finda próximo dia 31. A equipe fica em Pernambuco até o domingo (18).
Antes de iniciar as gravações, Dalton confidenciou que espera para seu personagem um final feliz, com família unida. Por família, entenda-se a redenção do maquiavélico Ferraço e a entrega de Maria Paula, mocinha vivida por Marjorie Estiano, ao amor que sempre sonhou viver com o galã.
"3 finais estão sendo filmados. Um é com o Ferraço terminando com Maria Paula e Renato. O 2º será Maria Paula dando um golpe nele e roubando todo o seu dinheiro; e o 3º é aquela história dela dar o golpe, roubar a fortuna e esperá-lo numa ilha do Caribe", diz Vigh, que acredita que um desfecho com os três juntos é o que, não só ele, mas o público quer ver.
A reviravolta de seu personagem em Duas caras - que começou a novela com o codinome de Adalberto Rangel, assumiu a identidade de Marconi Ferraço e, no fim, se redescobrirá como Juvenaldo, seu nome de batismo - foi para Dalton a receita de sucesso da trama. "Foi um ato de ousadia de Aguinaldo e Wolf Maia (diretor geral) não só pela proposta diferente do texto, mas por ousarem com a maquiagem no começo da história, quando Adalberto virou Marconi através das 'plásticas'. Poderia ter dado tudo errado, ser um fracasso, mas o resultado foi surpreendente."
Em novelas desde 1995, quando atuou em Tocaia grande, na extinta Manchete, Dalton Vigh fez parte do elenco de folhetins do SBT e Record, mas foi em O clone (2002), quando interpretou Said, que Dalton conquistou a TV brasileira. Tornar-se protagonista de uma novela no horário nobre foi um presente para o ator após seu sucesso como o empresário Clóvis, no remake de O profeta, há 2 anos. De seus papéis, Dalton é categórico em afirmar que Marconi foi o mais complexo de todos. "Fazer um vilão que vira um mocinho é um presente pra qualquer um. Pra mim é inesquecível".
As gravações continuam na sexta-feira (16), mas em Igarassu. A equipe grava em Pernambuco até o próximo domingo (18). Os capítulos gravados em Pernambuco devem ir ao ar na última semana da novela.
Photobucket

6 comentários:

Helena Nascimento disse...

Que coisa mais sem graça será se o Marconi Ferraço virar bonzinho e terminar a novela com a Maria Paula... Mas até combina um final sem sal para a novela mais chata dos últimos tempos.

Abraços.

Andréa Brelaz disse...

Oi! Helena! :-D

É, tudo indica que ele já está se regenerando para virar um mocinho e terminar com a mocinha "Maria Louca", apesar de terem gravado 3 finais para a novela.

Abraços! :-)

Laura disse...

Andrea, quando eh que essa novela termina? Estou doidinha para ver qual sera a proxima. Nao consegui gostar dessa novela, mas sinto saudades de ter algo para acompanhar. Minha irma Raquel estava no aeroporto no dia dessa gravacao e viu esse rapaz bem de pertinho. Disse que ele eh gatesimo!

Andréa Brelaz disse...

Termina no dia 30/05 (sexta).

O título da próxima novela é: ‘A Favorita’, e não mais ‘Juízo Final’. A atração está prevista p/ estrear no dia 02/06 (segunda).

Na trama, Flora (Patrícia Pillar) foi condenada a 18 anos de prisão pelo assassinato do marido de Donatella (Cláudia Raia). As 2 personagens eram parceiras em uma dupla sertaneja. Ao sair da prisão Flora terá 2 desafios: provar que Donatella foi responsável pelo crime e reconquistar a filha Lara (Mariana Ximenes), que foi criada pela rival.

Os segintes atores estão confirmados: Déborah Secco, Juliana Paes, Eduardo Moscovis, Taís Araújo, Cláudia Ohana, Henri Castelli, Carmo Dalla Vecchia, Cauã Reymond, Lília Cabral, Murilo Benício, Marco Ricca, Milton Gonçalves, Elizabeth Savalla , Jackson Antunes e Giovanna Ewbank.

Tudo indica que ‘A Favorita’ será polêmica, trazendo até mesmo um beijo lésbico p/ a telinha.

De acordo com o jornal Extra, “Lília Cabral será infeliz no casamento com o personagem de Jakson Antunes e poderá viver um romance com outra mulher no decorrer da história”.

Laura disse...

Interessante. Vou ficar ligada!

Andréa Brelaz disse...

Dependendo do elenco e do enredo da novela, pode ser que tenha uma boa audiência ;-)

Bjs :-D